Colchão “dobrável” reinventa logística para ecommerce

Colchão “dobrável” reinventa logística para ecommerce

Trio de brasileiros lança Zissou para tirar o sono das marcas tradicionais do varejo físico

Publicado em 29 de março de 2019

Alimentação e atividade física recebem atenção especial entre as pessoas que buscam saúde e bem-estar. Mas há um terceiro fator essencial para ter equilíbrio: o sono. Foi pensando nisso que os sócios Amit Eisler, Ilan Vasserman e Andreas Burmeister deixaram a carreira corporativa para empreender no segmento de colchões, que avaliam movimentar cerca de R$ 30 bilhões por ano no Brasil. Após um ano de pesquisas de mercado, eles lançaram a marca Zissou, que traz diferenciais como suporte para coluna e não balançar quando a pessoa ao lado se mexe na cama.

A rápida expansão tem por trás duas simples ações de marketing que ajudaram a alavancar os negócios da empresa. A primeira foi a de entregar um colchão na casa de Rogério Fasano, dono dos hotéis Fasano. A iniciativa deu resultado e, hoje, o produto está nos hotéis da rede em Angra dos Reis, Belo Horizonte e Salvador. A segunda ação ocorreu durante a Copa 2018, na Rússia, quando o lateral Marcelo desfalcou a Seleção Brasileira por ter acordado com dores nas costas provocadas pelo colchão do hotel. Os sócios da Zissou logo enviaram uma unidade até ele e a marca foi citada em mais de 80 matérias de cinco países.

Zissou já tem recebido sondagens para levar a marca aos EUA, América Latina e Europa

O despacho do produto direto para o jogador na Europa só foi possível graças a um dos diferenciais da marca: a entrega do colchão em uma caixa. “Conseguimos entregar o colchão na portaria da casa da pessoa, da mesma forma que ela compra qualquer item pela internet”, afirma Eisler.

Neste ano, a empresa triplicou o faturamento em relação ao seu primeiro ano de atuação e a expectativa é manter esse nível de crescimento em 2019. Com 20 funcionários entre diretos e indiretos, atualmente, a Zissou possui uma subsidiária nos EUA para negócios estratégicos, e já tem recebido sondagens para levar a marca aos EUA, América Latina e Europa. “Como nós temos somente um ano e meio de operação, estamos nos consolidando primeiro no Brasil e analisando oportunidades”, explica Eisler. 

FORA DA CAIXA

Quem: Zissou.

O que: Fabricante de colchões.

Fundadores: Andreas Burmeister, Ilan Vasserman e Amit Eisler (na foto, da esq. para a dir.)

Portfólio: Seis modelos, de solteiro até King.

Preços: R$ 3 mil a R$ 6 mil.

Logística: Produto pode ser dobrado no transporte.

Texto: Fábio Vieira

Foto: Paulo Mercadante