“Tudo que é ligado à digitalização acelerou muito com a pandemia”

“Tudo que é ligado à digitalização acelerou muito com a pandemia”

Na última live de 2020, executivos trazem suas perspectivas para 2021 e as novas tendências para os modelos de negócio

Publicado em 17 de dezembro de 2020

Que 2020 foi difícil, ninguém discorda, mas também foi um período de muito aprendizado. Líderes de todos os setores têm a compreensão de que foi um ano decisivo para os negócios. Para muitas companhias, foi uma oportunidade de acelerar processos, inovar e arriscar. “Tudo que é ligado à digitalização acelerou muito com a pandemia, a parte de e-commerce e marketplace cresceu de forma exponencial”, diz Cris Palmaka, Presidente América Latina e Caribe da SAP.

Para trocar experiências e refletir sobre as perspectivas para 2021, o Experience Club reuniu três executivos na última live do ano, em 16 de dezembro (assista na íntegra). Cris Palmaka, Paulo Nigro, CEO da Granbio, e Stéphane Engelhard, VP of Corporate Affairs do Carrefour, participaram da live “Os Cenários de 2021”, mediada por Ricardo Natale, CEO do Experience Club.

Esta live contou com o patrocínio de Aon, Dedalus, em copatrocínio com Microsoft e IntelOi Soluções.

Veja alguns insights com aprendizados, tendências e perspectivas de futuro que nosso convidados trouxeram.

Cris Palmaka, Presidente América Latina e Caribe da SAP

“Tudo que é ligado à digitalização acelerou muito com a pandemia, a parte de e-commerce e marketplace cresceu de forma exponencial.”

“A pandemia fez muita empresa que não estava fazendo a transformação digital se mexer.”

“Nenhuma companhia pode mais se dar ao luxo de ter um projeto de longo prazo, é preciso agilidade.”

“Além de fornecer soluções, é preciso que elas se conectem com outras soluções de startups, e a única plataforma que pode fazer isso está conectada em nuvem.”

“As companhias vão começar a colocar nos processos de decisão elementos de sustentabilidade, e a tomar decisões não só com base em custo, mas pelo impacto causado pela empresa em termos de sustentabilidade.”

“Amarrar as cadeias de suprimento com conceito de sustentabilidade é a grande tendência dos próximos anos.”

“Pessoas de qualquer sexo, cor ou orientação têm que ganhar a mesma coisa para fazer a mesma coisa.”

Paulo Nigro, CEO da Granbio

“Esse movimento com o foco em ESG acelera no momento em que toca no bolso do investidor.”

“Não dá para manter o sistema do jeito que está, agredindo a natureza como a gente vem fazendo.  A sociedade não está mais tolerando como o sucesso está sendo medido.”

“Por questões e pressões ambientais, o álcool brasileiro deve ganhar destaque no mundo.”

“A economia circular passa por grandes companhias, mas também por uma enorme uma cadeia de informalidade.”

“À medida em que outros mercados forem se desenvolvendo, o receio de ficar dependente do álcool brasileiro se perde.”

Stéphane Engelhard, VP of Corporate Affairs, Communications and Sustainability do Carrefour

“A pandemia provocou um processo de aceleração na digitalização dos nossos negócios.”

“A pandemia mudou os hábitos dos consumidores que redescobriram o prazer de cozinhar.”

“A atividade essencial foi beneficiada com a ação do auxílio emergencial e a recuperação da economia está forte. Estamos olhando 2021 de forma positiva.”

“O mundo mudou com a pandemia e aprendemos a tomar decisões mais rápidas para consumidores e a sociedade, mesmo em momentos muito difíceis.”

“Foi criado um comitê específico para a pandemia que nos ajudou a tomar decisões rápidas no episódio de Porto Alegre.”

“Nós precisamos nesse momento difícil estar juntos e atendendo bem nossos clientes.”